segunda-feira, 13 de março de 2017

VENERO-TE!



Venero teus olhos,
Quando me olhas,
Com ternura sem fim

Venero teus braços
Enquanto me abraças
Feliz junto a ti

Venero tua boca
Quando me beijas
E o amor me faz sentir

Venero teu corpo
Enquanto metade
E à minha metade
Há fusão entre si.

Aila Brito

O NATAL E UMA LEMBRANÇA


         

     A criança - uma mulher e a lembrança!
Sonho agitado em véspera de Natal;
Atrás da porta, a meia, e a esperança
De realizar um sonho especial.

Um bilhetinho, ao Papai Noel,
Com um pedido, puro, angelical
Uma "boneca", vinda lá do céu
Que me inspirasse um amor fenomenal.

Ao despertar, manhã do lindo dia,
Ali estava, Ela, deslumbrante
Nada no mundo, mais belo existia.

"Minha filhinha", assim a desejava;
E expressava em brado triunfante!
Brinquedo lindo - Que eu muito amava.

Aila Brito

sábado, 11 de março de 2017

Blog da poetisa Aila Brito


Casa de Poesia


Blog da poetisa Aila Maria Brito
criado em 12 Fevereiro 2017

Poetisa brilhante
Textos arrojados